Plano De Carreira X PDI – Parte 2

Plano De Carreira X PDI – Parte 2

Dando continuidade ao assunto, vamos nos aprofundar do tema PDI – Plano de Desenvolvimento Pessoal.

Este tema merece toda nossa atenção e carinho, pois é no PDI que descrevemos as ações necessárias para alcançar nossos objetivos relacionados a nossa vida profissional, carreira e porque não, na nossa vida pessoal.

Algumas pessoas irão se perguntar, se o PDI é feito na empresa, porque incluir vida pessoal!

Simples, passamos muitas horas do nosso dia trabalhando, se relacionando com pessoas que não fazem parte da nossa “família”. Essas pessoas e os relacionamentos que temos, que nos levam a desejam ter objetivos e realizações para ser melhor como profissional, amigo, colega, marido, esposa, mãe, filho, etc.

Para sermos melhores criamos roteiros sobre o que precisamos fazer para chegar onde gostaríamos, e o PDI nada mais é, do que um roteiro, um mapa que vai nos guiar na busca dos nossos objetivos.

success is target

 Mas, afinal, o que é PDI e como funciona?

Lembra daquelas metas de ano novo que a maioria de nós faz?

Então, o PDI lembra um pouco esse processo. A diferença é que as metas, objetivos são tangíveis e tem prazos para cumprir cada ação estabelecida, quero dizer que teremos que analisar o que será preciso para chegar lá, como e quando fazer isso.

O PDI é muito utilizado por empresas que querem medir o desenvolvimento de competências de seus colaboradores, mas também é recomendado para pessoas que buscam o autodesenvolvimento.

O PDI costuma ser aplicado para buscar desenvolver seus colaboradores, para que todos estejam em constante aprendizado e sempre buscando inovação, um fator que tem se tornado grande diferencial entre os profissionais.

Como comentado anteriormente, o PDI pode ser elaborados conforme as necessidades pessoais e profissionais, também podem ser projetados para serem cumpridos em curto, médio ou longo prazo.

De modo geral, o PDI pode durar de três meses a um ano. Desta forma, há tempo suficiente para poderem fazer parte da sua rotina e também e consiga avaliar os resultados obtidos.

Como o PDI pode ser aplicado na sua empresa?

Converse com os colaboradores sobre o que é o PDI e como ele pode agregar ao desenvolvimento pessoal e profissional. Em algumas empresas o ciclo é realizado com a Avaliação, onde o processo é incluso como um questionário, permitindo ao colaborador e gestor descreve as metas e objetivos, descrevendo as ações a serem feitas e determine um prazo para entrega.

Caso sua empresa não faça Avaliações, peça para seus colaboradores descrever os pontos a serem melhorados, como podem melhorar e um prazo para encerrar.

Vale lembrar, que o PDI é um documento vivo, que pode ser editado, pois, a todo momento estamos encerrando e incluído novos objetivos e metas em nossa trajetória profissional e pessoal.

Durante o período de PDI, sempre que possível pergunte sobre como está o desenvolvimento, o que estão achando, como estão aplicando na sua equipe e como percebem a evolução.

Sabe quais são as vantagens de utilizarmos o PDI?

Impulsiona a carreira dos profissionais, permite o autoconhecimento, melhora o planejamento estratégico, maior foco no alcance das metas e objetivos, entendimento de quais desafios precisarão ser superados e como fazer isso, conhecimento do que é necessário desenvolver para atingir o objetivo.

Como vemos, as vantagens e benefícios do PDI são vários, e na sua maioria beneficiam os colaboradores, incentivando a buscar conhecimento para realizar as metas e objetivos.

Ao terminar um ciclo de PDI, agende uma conversa com todos os envolvidos, para saber como esta ação contribuiu para o desenvolvimento e quais são os próximos passos.

Quando percebemos os primeiros resultados, nos motivará para continuar seguindo em busca das nossas realizações.

E aí, você já escreveu suas metas e objetivos para sua vida pessoal e profissional?

 

 

Autora:

Luciângela Fontana

Customer Success

Cingo

Produzido pela equipe interna

Redes Sociais:
TwitterFacebookLinkedInYouTube